Para mim, Ramiro, o crescimento é um dos principais valores que eu sigo na vida. E que, com certeza, me torna uma pessoa, e um investidor, mais feliz.

Nos últimos anos, eu considero que cresci bastante. Na jornada de começar uma empresa do zero e tentar viver uma vida com propósito e tranquila, eu tive que aprender, muitas vezes na marra, algumas coisas bem importante.

Algumas dessas coisas eu traduzi, aqui, em conselhos. Conselhos que eu gostaria de ter recebido anos atrás e que, com certeza, teriam facilitado ainda mais a minha jornada.

Conselhos que eu sigo hoje e que fazem totalmente a diferença para mim.

Conselho #1 – Aprenda a dizer não

“Menos, porém melhor” foi um conselho que mudou a minha vida.

É incrível quanto tempo perdemos na nossa vida por não termos a capacidade de dizer não. Negar convites, negar reuniões, negar projetos… Às vezes, dizer não é essencial para que você consiga conquistar seus objetivos.

Então, se você não aprende a dizer não, cedo ou tarde, tanto a sua agenda quanto a sua vida vão ser governadas por outras pessoas.

Conselho #2 – Lembre-se que você vai morrer

“Lembrar que você vai morrer é a melhor maneira que eu conheço para evitar a armadilha de pensar que você tem algo a perder.” Steve Jobs

A vida é curta. Em poucas gerações, ninguém vai se lembrar de você. Então valorize a sua passagem no mundo. Faça acontecer. Tire seus projetos do papel. Viva experiências boas com as pessoas que você ama…

Por isso, torne o mundo – nem que seja o mundo de poucas pessoas – um lugar melhor.

Conselho #3 – Seja muito rigoroso em como você gasta seu tempo

investidor feliz e tempo

Qualquer tarefa que você execute pode ser categorizada como importante ou urgente.

Assim, existem basicamente 4 tipos de tarefas:

  • As importantes e urgentes
  • As importantes e não urgentes
  • As não importantes e urgentes
  • As não importantes e não urgentes

Ou seja, a ideia para uma vida mais tranquila, é você minimizar ao máximo as tarefas urgentes.

E, dessa forma, eliminar todas as tarefas que não sejam importantes do seu dia-a-dia.

Assim, você estará usando seu tempo somente com aquilo que importa para a sua vida.

Conselho #4 – Dane-se o que os outros vão pensar

O maior medo de qualquer pessoa é o medo do julgamento. Das críticas.

Por isso, falar em público é algo que 9 a cada 10 pessoas teme desde a infância.

Contudo, este é um medo que trava muitas pessoas. Que impede muitas pessoas de viver uma vida fiel aos seus valores…

Ao longo da minha vida, eu entendi que só existe uma forma de não ser criticado: não fazer nada.

Então, releve isso, não aceite críticas de quem nunca construiu nada e pare de se importar tanto com o que outras pessoas vão pensar de você.

Conselho #5 – Princípios são mais importantes do que dicas

Esse conceito eu demorei muito para entender.

Por natureza, estamos sempre em busca de uma dica. De um atalho. De algo simples e fácil que vai nos fazer ter resultados. Isso vale para tudo:

  • Para quando você quer investir melhor
  • Quando você quer empreender melhor
  • Ou quando você quer ser mais feliz

Mas, na realidade, dicas e atalhos não vão te gerar bons resultados no longo prazo.

Dessa forma, o que realmente funciona em todas as áreas são princípios universais, testados no tempo.

Então esqueça a busca por dicas e foque na busca por compreender os princípios por trás daquilo que você pretende aprender.

Conselho #6 – Tire suas ideias do papel

Me lembro que, antigamente, eu ficava com receio de compartilhar as minhas ideias com as pessoas.

Que bobagem. Com o passar dos anos, ficou claro para mim que ideias não valem nada. O que vale é a execução.

Hoje, não tenho medo algum de compartilhar ideias. Portanto eu sei que, sem uma boa execução, elas não tem valor algum.

Então não perca tempo: tire imediatamente as suas ideias do papel.

Conselho #7 – Use seu tempo para aprender

tempo e aprendizado investidor feliz

Aprender algo novo pode mudar a sua vida. O hábito de estudar diariamente vai te fazer:

  • Pensar de forma mais clara
  • Tomar melhores decisões
  • Ter um julgamento mais eficaz

Charlie Munger, sócio de Warren Buffett, tem uma frase que eu gosto muito:

“Sem aprendizagem ao longo da vida, você não vai se sair muito bem. Você não vai muito longe na vida com base no que você já sabe”

Eu concordo com ele. E acredito que todas as pessoas deveriam se encarar como eternos aprendizes. E que quem de fato fizer isso vai ter sua vida transformada para muito melhor

Conselho #8 – Ensine o que você sabe

Ensinar outras pessoas muda vidas.

A de quem aprende e a de quem ensina.

Afinal, ensinar é a forma mais poderosa de aprender. E, enquanto você aprende, consegue inspirar e melhorar a vida de outras pessoas.

Ensinar não tem pontos negativos. Você só tem a ganhar com esse hábito.

Conselho #9 – Seja grato pelo que você tem

Naval, um empreendedor e investidor que eu admiro muito, diz que a felicidade é a ausência de desejo.

É claro: é impossível não ter desejo nenhum. Biologicamente, seres humanos possuem desejos e vontade de crescer.

Mas a ideia por trás dessa frase é você estar satisfeito pelo que você tem… E cuidar com o excesso de desejos.

Por isso, conseguir equilibrar o desejo por aquilo que você ainda não conquistou com a gratidão por tudo aquilo que você já tem é essencial para uma vida mais feliz.

Há 6 anos eu uso um aplicativo chamado five minutes journal. Nele, todos os dias eu revelo coisas pelas quais sou grato.

Desde que comecei a fazer isso, sinto que minha vida ficou bem mais leve.

Conselho #10 – Não deixe que o desejo por algo que você não tem te deixe infeliz

“Eu acho que todo mundo deveria ficar rico, famoso e fazer tudo o que sempre sonharam, para que possam ver que essa não é a resposta.” Jim Carrey

Não associe a sua felicidade a um estado futuro.

Não pense que marcos na sua vida, como o casamento, a conquista de um bom emprego ou a aposentadoria vão trazer, por si só, felicidade.

E não deixe que o desejo pelo que você ainda não tem te deixe infeliz no momento atual.

Viver com a cabeça no futuro, distante do presente, é o caminho mais direto para a infelicidade.

Conselho #11 – Entenda que a felicidade é uma habilidade

investidor feliz

“A felicidade existe quando você remove a sensação de que algo está faltando na sua vida” Naval Ravikant

Sob este ponto de vista, a felicidade é uma habilidade treinável.

Afinal, ela requer que a gente acalme o nosso cérebro e pare de ficar viajando entre passado e futuro. Ela requer um foco no presente.

Agora, em qual grau a felicidade pode ser desenvolvida e em qual grau ela é fruto de uma pré-disposição genética?

Segundo o estudo Pursuing Happiness: the architecture of sustainable change, de Sonja Lyobomirsky, existem 3 fatores que determinam a felicidade humana:

  1. Disposição: quem você é; fatores inatos e genéticos.
  2. Circunstâncias: o que você encara.
  3. Intenção: o que você faz.

Segundo este estudo, 50% da felicidade tem a ver com a disposição, 40% com nossa intenção e 10% com as circunstâncias.

Ou seja: temos a habilidade de determinar 40% do nosso estado de espírito. O que, para mim, é um valor bem alto.

Conselho #12 – Entenda que dinheiro é um meio

O seu objetivo jamais deve ser acumular dinheiro somente por acumular. Ficar rico pelo fim de ficar rico.

Quem enxerga o dinheiro dessa forma, para mim:

  1. Não consegue acumular um grande patrimônio
  2. Se conseguir, percebe que o dinheiro não era o que precisava para ser feliz

Para mim, é claro demais que dinheiro é um meio. Uma ferramenta a seu uso para que você tenha uma vida repleta daquilo que você mais valoriza.

No meu caso, dinheiro é uma ferramenta para uma vida mais tranquila.

Conselho #13 – Aprenda a se comunicar

Uma das habilidades que mais vai te fazer ganhar dinheiro e ser feliz é a habilidade de se comunicar com clareza.

Nestes meus 7 anos empreendendo, eu percebi que 80% dos problemas que enfrentei poderiam ser facilmente solucionados – ou sequer ter existido – se os envolvidos soubessem se comunicar com assertividade.

Estude comunicação. Busque melhorar sua oratória. Entenda como ser persuasivo de forma ética e, principalmente, não fuja de conversas difíceis.

A comunicação é a chave para uma vida melhor.

Conselho #14 – Não perca tempo com o que você não controla

A maioria dos nossos problemas é maior na nossa mente do que na vida real.

Muitas vezes, sofremos por antecipação a eventos cujo desfecho não controlamos.

No mercado financeiro, eu observo que a maioria dos investidores também age assim: tentando entender para onde vai a inflação, o câmbio ou a bolsa no curto prazo. Variáveis, essas, que são todas incontroláveis.

Se você quer viver em paz, não perca tempo com aquilo que está fora do seu controle.

Multiplique seu patrimônio, reduza os riscos da sua carteira e se torne um investidor mais feliz

O Clube do Valor é uma consultora de investimentos que ensina exatamente aquilo que aplica. E aplica exatamente aquilo que ensina.

O nosso objetivo é libertar todos os brasileiros com a educação financeira. Por isso, separamos quatro cursos para ajudar na sua jornada para ser um investidor melhor.

Além disso, não deixe de conferir os nossos conteúdos gratuitos para continuar desenvolvendo a sua educação financeira no instagramyoutube e facebook.