Então, você quer colocar o seu dinheiro para trabalhar para você, não é mesmo?

Se essa é sua intenção, esse é seu dia de sorte: é exatamente isso que vou te ensinar neste artigo.

Vou te mostrar como investir seus primeiros 1000 reais do jeito CERTO, com base em um critério essencial do mundo dos investimentos: o prazo que você tem para investir.

Vou te dizer todos os cuidados que você deve ter para investir esses mil reais (ou qualquer montante que você tenha, pois a lógica é a mesma) e te dizer quais os ativos do mercado financeiro são mais ideais para cada caso!

Assim, tenho certeza que você não terá nenhuma surpresa desagradável nessa sua chegada no mundo dos investimentos, e vai poder relaxar enquanto vê sua aplicação rendendo ao longo do tempo!

Gostou disso? Então acompanha esse artigo para começar ainda hoje a investir dinheiro como um profissional!

Onde Investir 1000 Reais para o Curto Prazo?

curto-prazo

O que é Curto Prazo? 

Na definição que usamos aqui no Clube do Valor, investimentos de Curto Prazo são aqueles que o investidor quer sacar de volta em 1 ano ou menos.

O que você precisa ter em mente para investir no Curto Prazo?

Primeiramente, que você não vai conseguir rentabilidades estupendas em um período de 1 ano ou menos.

Muitos profissionais do mercado vendem ilusões de que é possível ganhar muito dinheiro no mercado financeiro em curtos períodos de tempo.

No entanto, isso é uma mentira que quase sempre resulta em você perdendo dinheiro.

Se você está atrás de juntar dinheiro rápido, é melhor tentar outras opções, como as que mostro nesse artigo.

Mas se você deseja investir seus R$ 1000 no mercado financeiro para o curto prazo, certamente existem opções para você.

E ao investir em períodos de 1 ano ou menos, essas são algumas características que você deve buscar em suas aplicações:

  • Alta liquidez (aplicações com períodos de carência podem deixar seu dinheiro “trancado”)
  • Renda Fixa, que sobre um pouco todo dia (Renda Variável NÃO SERVE para períodos de menos de 5 anos)
  • Baixa Volatilidade (Você não pode investir em ativos voláteis e correr o risco de o dinheiro que você resgatará no final do investimento ser menor do que o que você investiu inicialmente)

Quais os melhores ativos no Curto Prazo?

Justamente pelas características que citei acima, os investimentos ideais para o Curto Prazo são basicamente os mesmos que recomendo para sua Reserva de Emergência.

Ou seja, ativos de Renda Fixa Pós-Fixada, sem risco e que sobem um pouco todo dia.

Alguns exemplos são:

Onde Investir 1000 Reais para o Médio Prazo?

onde-investir-50-mil

O que é Médio Prazo? 

Considero investimentos de médio prazo aqueles que estão entre 1 ano (Curto Prazo) e 5 anos (Longo Prazo)

O que você precisa ter em mente para investir no Médio Prazo?

Investindo para o Médio Prazo, você pode assumir um pouco mais de risco e menos liquidez do que em investimentos de Curto Prazo.

No entanto, ainda não é recomendado investir seus R$ 1000 na Bolsa de Valores.

Isso porque, no passado, o Ibovespa já passou por períodos de até 5 anos nos quais teve resultado negativo, ou andou lateralmente.

Ou seja, investindo no mercado de ações com um horizonte de menos de 5 anos, você ainda tem o risco de não receber nada ou perder dinheiro.

Por isso, ainda recomendo Renda Fixa para o Médio Prazo.

No entanto, você pode procurar ativos de renda fixa mais rentáveis do que para o Curto Prazo, como títulos privados e investimentos com período de carência.

Quais os melhores ativos no Médio Prazo?

Alguns exemplos de investimentos que podem servir bem para o Médio Prazo são:

Onde Investir 1000 Reais para o Longo Prazo?

Metas curto, médio e longo prazo

O que é Longo Prazo? 

Os objetivos de Longo Prazo são aqueles com um horizonte de conclusão acima de 60 meses, ou 5 anos.

É nessa categoria que estão os objetivos como viver de renda, por exemplo. 

O que você precisa ter em mente para investir no Longo Prazo?

Investindo para o longo prazo, se sua tolerância ao risco permitir, você pode utilizar o mercado de ações ao seu favor.

Afinal de contas, a Bolsa de Valores e seus juros sobre juros podem fazer maravilhas com seu patrimônio ao longo dos anos!

No entanto, é essencial você ter certeza de que preenche todos os pré-requisitos para investir na Bolsa, como ensino nesse outro artigo!

Como pode ver, no longo prazo é onde seus R$ 1000 vão ter a maior rentabilidade possível.

Mesmo assim, caso você não seja uma pessoa que gosta de riscos, existem diversos ativos de Renda Fixa que podem ser proveitosos em períodos de mais de 5 anos também!

Quais os melhores ativos no Longo Prazo?

Primeiramente, para os que não gostam de riscos, todos os ativos de renda fixa que citei até agora poderiam servir também para o longo prazo.

No entanto, alguns podem ser ainda mais vantajosos em períodos maiores de tempo, como por exemplo a Renda Fixa atrelada à inflação!

Já para aqueles que aceitam mais riscos em troca de mais rentabilidade, eu colocaria esse dinheiro para trabalhar para mim no mercado de ações.

Porém, apesar de achar a Bolsa de Valores a melhor aplicação do mercado financeiro para o Longo Prazo, eu não colocaria todos os R$ 1000 nela hoje se estivesse começando a investir.

Eu provavelmente dividiria esse montante em duas partes:

Uma, eu usaria para adquirir conhecimento.

Cursos, palestras, livros… qualquer coisa que me ajudasse a evoluir como profissional e investidor, e a ganhar mais renda no futuro, seja por meu salário, seja por meus investimentos.

Já a outra parte, eu investiria na Bolsa de Valores.

No entanto, se meu montante inicial fosse de R$ 1000, provavelmente agora eu teria apenas algumas centenas de reais.

Isso não é o suficiente para comprar ações individuais. Pelo menos, não sem recorrer ao mercado fracionário, algo que não me agrada por sua baixa liquidez.

Por isso, eu investiria através de ETFs, ou Exchange Traded Funds.

Trata-se de investimento através de Fundos que replicam a rentabilidade de um índice.

No caso, eu compraria 2: um que replicasse a rentabilidade do Ibovespa, e outro que replicasse a rentabilidade do S&P 500, o índice de ações dos EUA!

Assim, eu estaria diversificando meus investimentos em todas as ações do Brasil e nas 500 maiores dos EUA, mesmo com pouco dinheiro!

Essa é a melhor, mais segura e mais diversificada forma de investir em ações com pouco dinheiro, e é a alma da minha exclusiva Estratégia Bull Bear de investimentos!

É ela que eu ensino no meu curso introdutório à Bolsa de Valores, o Minha Primeira Carteira de Ações!

Você pode dar uma olhada nesse treinamento incrível para quem está começando (e muito em conta) aqui!

INVESTINDO DA FORMA CERTA

investindo-em-acoes-no-longo-prazo

Independentemente do prazo dessa lista que faz mais sentido para você, e dos investimentos que você escolheu, é importante continuar administrando e aumentando sua carteira.

E isso pode ser feito aportando cada vez mais dinheiro nela!

Investimentos são algo que requer disciplina, e quanto mais você conseguir investir, maior o retorno que vai ter. Não importa para qual prazo esteja aplicando.

Por isso, continue encontrando formas de ampliar sua renda e de conseguir dedicar cada vez mais patrimônio à construção do seu futuro!

E, com isso, me despeço.

Não esqueça de deixar quaisquer dúvidas nos comentários abaixo, ou enviá-las ao nosso e-mail de suporte [email protected]

Alguém do nosso time estará pronto para te ajudar!

Um forte abraço!